Pular para o conteúdo principal

Pedais - O que são, como funcionam, para que servem e dicas sobre cada efeito. 5ª parte.


>>> Grupo dos efeitos de PITCH – altera afinação <<<

Como disse anteriormente, se levarmos ao pé da letra, os efeitos que compõe o Pitch deveriam ser inclusos em modulação, pois neles há uma variação de freqüência.
Permite alterar a freqüência do sinal original. É muito usado para mudar o tom (“pitch”) da nota original. Na voz os Pitchs são usados para criar vozes de monstros, patos, etc.
Os dois mais famosos pedais de Pitch são o Whammy da Digitech e o Pitch Shifter da Boss.
Esse grupo pode até ser dividido em grupos menores que são os Hamonizer, Octaves e Pitch Shifters. Há pedais que se encaixam em duas ou até três modalidades.

Exemplos:
- Harmonizer:
Boss HR-2 Harmonist
Boss PS-5 Super Shifter
Digitech WH-1 Whammy Original
Digitech WH-1 Whammy Reissue
Digitech Whammy IV

- Octaves:
Arion MOC-1 Octave
Boss HR-2 Harmonist
Boss OC-2 Octave
Boss PS-2 Pitch Shifter / Delay
Boss PS-3 Pitch Shifter Delay
Boss PS-5 Super Shifter
Digitech WH-1 Whammy Original
Digitech WH-1 Whammy Reissue
Digitech Whammy IV
Digitech XP-100 Whammy Wah
Dunlop JH3S Jimi Hendrix Octave Fuzz
Electro-Harmonix Octave Multiplexer
Electro-Harmonix Octave Multiplexer Deluxe
Fender Blender Fuzz Octave
Fulltone Ultimate Octave Fuzz/Octave
Musictronics/Mutron Octave Divider
MXR Blue Box
Pearl OC-07 Octave
Prescription Electronics Experience Fuzz Octave Swell Pedal
Roger Mayer Octavia Fuzz/Octave
Roger Mayer Octavio Fuzz/Octave Prototype
Yamaha OC-10 Octaver

- Pitch Shifter:
Boss HR-2 Harmonist
Boss PS-2 Pitch Shifter / Delay
Boss PS-3 Pitch Shifter Delay
Boss PS-5 Super Shifter
Digitech WH-1 Whammy Original
Digitech WH-1 Whammy Reissue
Digitech Whammy IV
Pearl OC-07 Octave


Resumidamente esse grupo é composto dos efeitos que controlam a amplitude (volume) do sinal.
Nesse grupo estão inclusos os efeitos Compressor, Limiter e outros efeitos menos usuais como Slow Gear. Como se trata de dinâmica o Pedal de Volume poderia se encaixar nesse grupo, mas como eu vou explicá-lo comparando com o pedal de Expressão resolvi encaixa-lo em outros.

COMPRESSOR / LIMITER / SUSTAINER:
O Compressor foi criado para controlar os picos de sinais e sinais baixos dando a ambos a mesma amplitude (volume) em gravações profissionais. Os sinais elevados são reduzidos e os baixos são elevados, gerando um som com menos variação de dinâmica, mais constante e com mais sustain.
Pode também ser usado como Boost de pré ou de pós em Distorções e Drives, saturando mais o efeito no caso de pré ou aumentando o volume no caso de pós.
Na mesma onda do compressor, o Limiter atenua os picos de freqüência e antecipa a sobrecarga do som. Faz uma parte daquilo que o Compressor faz, porém atua somente nos picos do sinal, alterando o ganho de entrada para manter um nível fixo.
Já o Sustainer, comparado ao Limiter, faz a outra parte do trabalho de um Compressor, ou seja, amplifica o sinal fraco gerando maior sustentação.

Os botões de regulagens que geralmente compõem essas unidades são:
Level – controla o volume do sinal processado;
Tone – corta ou adiciona freqüências agudas e médias-agudas;
Attack – controla o tempo de ação da compressão.

Exemplos:
Anatone Time Stopper
Barber Tone Press Compressor
Boss CS-1 Compression Sustainer
Boss CS-2 Compression Sustainer
Boss CS-3 Compression Sustainer
Dalenectro Surf & Turf
Digitech Main Squeeze
DOD FX-15 Swell
Electro-Harmonix Black Finger Tube Compressor
Guyatone ST2 Compressor / Sustainer
Ibanez CP-5 Compressor
Keeley Compressor
Line 6 FM-4 Filter Modeler
Line6 Constrictor Compressor
MXR Limiter
MXR Dyna-Comp Compressor
Onerr Titanium Compressor
Prescription Electronics Experience Fuzz Octave Swell Pedal
Retrospec The Squeeze Box Compressor
Rocktron Surf Tremolo/Compressor
Rocktron Big Crush
Ross Compressor
Way Huge Saffron Squeeze Compressor




Fonte: Fernando Almeida
http://forum.cifraclub.terra.com.br/membro_51834.html

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MÉTODO GRATUITO PARA GAITA DIATÔNICA - LEANDRO FERRARI - GAITA FOLK, POP & ROCK - VOLUME 1

ClICK AQUI PARA DOWNLOAD GRÁTIS  CLICK AQUI PARA DOAÇÕES   AULAS DE GAITA ONLINE: www.leandroferrari.com 2a Edição  ( EQUIPE MIDIDÁTICA CONSULTORIA LTDA CHEESEBREAD STUDIOS) Título: MÉTODO PARA HARMÔNICA DIATÔNICA - LEANDRO FERRARI - GAITA FOLK, POP & ROCK - VOLUME 1 Autor: Leandro Ferrari Original de Belo Horizonte/MG/Brasil Revisão: Fernanda Shairon Ilustração: Marcelo Braga (EQUIPE MIDIDÁTICA CONSULTORIA LTDA & CHEESEBREAD STUDIOS) Diagramação: Yuri Martuccelli (EQUIPE MIDIDÁTICA CONSULTORIA LTDA & CHEESEBREAD STUDIOS) Direção Geral: José Renato Caldeira de Souza (EQUIPE MIDIDÁTICA CONSULTORIA LTDA & CHEESEBREAD STUDIOS) Foto: Karlis Smits Design Logo: Marcão Freak Formato:  DIGITALIZADO Num. págs. 126 páginas Fotos: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.10150938373933331.436116.827753330&type=1&l=5b63f7b595 Conteúdo:  O método é dividido em 100 aulas práticas e teóricas e acompanha arquivos de áudio (b
Spotify:  https://open.spotify.com/artist/5iTI2v1yC3rToB3xWHYw7a?si=y4MZPMZvTHetHrXhtIX1-g

Milk’n Blues: Blues & Pop

"Uma brincadeira que se tornou um vício! É assim que as vocalistas Anne Glober e Aline Mota definem o início da banda Milk´n Blues, em dezembro de 2011. As duas garotas, que são amigas de infância, estavam com enorme vontade de gravar um vídeo de suas músicas “covers”. Para isso, necessitavam do acompanhamento de um bom guitarrista. Foi então que se lembraram de Ricardo Maranhão, o professor violão e vizinho de Anne, imediatamente aceitou o convite. O trio se reuniu, definiu as canções, gravou dois vídeos e postou na internet. Em dois meses, tornou-se sucesso de visualização e comentários positivos do público. Todos os comentários seguindo este tom: “Nossa, versão de muito bom gosto. Muito bom mesmo. Tanto as vozes quanto os instrumentos muito bem colocados. Sensacional! Parabéns!”. Logo em seguida, as meninas e o professor de violão ganharam o reforço da gaitista Indiara Sfair, que acrescentou “magia” ao som dos três. Pois bem, com quatro integrantes o grupo já merecia um no