Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2010

Armando Nogueira e a Gaita

“As duas mãos em concha acolhem o pequeno parceiro, dando-lhe, ao mesmo tempo, proteção e calor humano. E principia, então, o que me soa como um ato de ternura musical. A gaita passeia entre os lábios, num poético vai-e-vem. Beijos metálicos perpassando a linha do horizonte.
A gaita tem a singeleza dos brinquedos remotos. E, no entanto, infinitos são os recursos que oferece ao intérprete esse humilde instrumento. O que tem ele de pueril tem de ousado. O que tem de despretensioso tem de eclético. O que tem de simplório na aparência tem de requinte na sonoridade. A gaita é o milenar passatempo das almas solitárias: dos marinheiros, dos andarilhos, dos pastores. A pungência de seu sopro me dá a doce impressão de que o gaitista é um pastor que passa a vida tocando rebanhos de nuvens.” Armando Nogueira

Fonte: Roberto Maciel e http://gaitabh.blogspot.com/

Lançamento Virtual do CD "Fat Nasty" 06/04/2010

Download Free "Fat Nasty"
Gravado no Estúdio Elétrico (2010)
BH/MG/Brasil
Produzido por: Marcelinho Guerra
Mixado e Masterizado por: Marcelinho Guerra
Produção Executiva: Leandro Ferrari
Direção de Arte & Design: Marcão Freak
Fotografias: Karlis Smits & Landon Wright
Lançamento Virtual 06/04/2010
www.leandroferrari.com
Apoio: Bends Harmônicas
www.bends.com.br

Rock is Dead...

Hard Rock Café Belo Horizonte


Hard Rock Café Bali

Thievery Corporation: dub, acid jazz e bossa nova

Oriundos de Washington, Rob Garza e Eric Hilton, proprietários do famoso clube Eighteenth Street Lounge, pegaram uma enorme variedade de sons que lhes serviam de inspiração e criaram o Thievery Corporation.

O resultado são álbuns que revolucionaram o conceito da música eletrônica através da mistura de sonoridades dub, acid jazz e bossa nova, cantadas em várias línguas. Além de colaborações com Wayne Coyne (Flaming Lips), Perry Farrell (Jane’s Addiction / Porno For Pyros), Emiliana Torrini, entre outros. Em palco, o duo apresenta-se com um vasto leque de convidados, que transformam os espetáculos do Thievery Corporation em experiências únicas e variadas.

Site: http://www.thieverycorporation.com
Discografia: http://thieverycorporation.com/discography
Ouça e veja Thievery Corporation aqui:





http://www.youtube.com/watch?v=OVHMMnL5GnI

http://www.youtube.com/watch?v=F0oiRrbyjB4

http://www.youtube.com/watch?v=04bg9IC9N6w

http://www.youtube.com/watch?v=yjYg5Mw_qo0

Isso sim é geladeira!

Tom Waits: rock, jazz, folk e blues

Thomas Alan Waits nasceu em Pomona, Califórnia, em 7 de dezembro de 1949. Instrumentista, compositor, cantor e ator. Aprendeu a tocar guitarra e piano aos dez anos de idade. Sua voz rouca e suas letras intrigantes marcam a personalidade de sua música.

Waits é uma mistura de rock, jazz, folk, blues e outros tantos gêneros musicais. Descrito como um dos últimos beatniks da música, facilmente pode-se separar a carreira do artista em dois momentos. Entre 1973 e 1983 lançou nove álbuns pela gravadora Asylum, e suas canções eram mais voltadas para o jazz. Mesmo não chegando a um grande sucesso, ganhou notória fama cult. A partir de 1983 ele assinou com a Island Records e mudou pra uma fase mais experimental, começando pelo disco Swordfishtrombones. Foi nessa época também que começou uma parceria direta com sua mulher Kathleen. Sendo ativo por mais de quatro décadas, Waits possuí uma considerável obra, constituída de quase 30 álbuns (incluindo álbuns de estúdio, compilações e álbuns ao vivo)…

Em estúdio gravando novo CD

Fechando um ciclo em minha carreira, estou em estúdio gravando meu novo CD.
Num total de 10 faixas, o disco é uma interessante mistura de Blues, Hip Hop, Electro, Dub, novos timbres e gaitas com afinações especiais. Sou acompanhado neste CD por Marcelinho Guerra. Nós assinamos todas as faixas e tocamos os instrumentos.

Estamos usando muitos samples e Marcelinho Guerra toca Hammond, baixo, guitarra e sintetizadores. As baterias são todas eletrônicas e além da gaita e efeitos, eu faço os vocais do CD.
O material está sendo gravado no Estúdio Elétrico, em Belo Horizonte, com produção de Marcelinho Guerra e está previsto para lançamento via download nos sites (myspace, facebook, Blogspot, etc) no final de março.

O Bends Acontece avisará sobre o lançamento. Fique atento!
www.bends.com.br

Morphine: blues, jazz e rock

Formada pelo vocalista e baixista Mark Sandman, o saxofonista Dana Colley e o baterista Billy Conway em Cambridge, Massachussets, EUA, no ano de 1989. Morphine combina elementos do jazz e do blues com arranjos tradicionais de rock, gerando um estilo próprio de música.

A banda não utilizava guitarra e o baixo de Mark Sandman possuía, na maior parte das apresentações, apenas duas cordas. Contudo, durante uma apresentação de sua banda em 1999, Sandman teve um ataque fulminante do coração, na cidade italiana de Palestrina, falecendo aos 46 anos de idade. Atualmente os restantes membros formam com a vocalista Laurie Sargent os Twinemen.
Site: www.myspace.com/morphinejazz

Ouça e veja Morphine aqui:
http://www.youtube.com/watch?v=yNEYKrFJgRo

http://www.youtube.com/watch?v=4zw1Bli1jbc