Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2009

Quinta Blues em BH

Leandro Ferrari & Blarth Piassi / Participação Especial: Bruno Avanzato

Esse projeto tem como objetivo agregar os admiradores de blues e suas vertentes, criar um ambiente onde se possa trocar informações, CDs, vídeos e é claro um espaço para jam sessions, que já faz parte da cultura blues. Os shows também contarão com sorteios de gaitas, brindes e aulas de gaita. As apresentações começam cedo, às 20h, com entrada à R$ 5. No repertório clássicos do blues e músicas próprias.
Status Café Cultura e Arte
Endereço: Rua Pernambuco, 1150 Savassi BH/MG
Telefone: (31) 3261-6045
Horário: 20h
Couvert: R$5
Clássicos do blues e músicas próprias

MINAS HARP PRODUÇÕES
Apoio: Bends Harmônicas

4ª temporada de Blues em Tiradentes

Se você pretende ir este ano à 12ª Mostra de Cinema de Tiradentes que acontece de 23 a 31 de janeiro, ainda dá tempo de conferir a 4ª Temporada de Blues promovida pelo bar Conto de Réis que fica no Largo das Forras em Tiradentes.

As apresentações da Banda Yellow Cab e seus convidados começaram dia 1º janeiro e vão até o dia 31 do mesmo mês. Este ano o evento contará com a participação de Álamo Leal (voz), Deni Perroti (voz), Décio Caetano (guitarra e voz), Rodrigo Nézio (guitarra e voz) e Jefferson Gonçalves (gaita). Os shows começam sempre a partir de 22h e o telefone de contato é (32) 3355 1790.


Veja aqui a programação da 12ª mostra de cinema de Tiradentes:
www.mostratiradentes.com.br

Veja aqui informações turísticas de Tiradentes:
www.tiradentes.mg.gov.br/

Ouça e veja aqui o clip de Gustavo Andrade e Hot Spot Blues Band feito em Tiradentes:

O som experimental de Chris Michalek

O gaitista Chris Michalek nasceu em Minneapolis, EUA, em 23 de julho de 1971. Mestre em muitos estilos, incluindo jazz, funky, blues e World Music, é reconhecido como um dos pioneiros do uso da técnica “overblow” ou “overbend”, que possibilita o cromatismo da gaita diatônica.
Outra característica importante de Chris é o uso de filtros e pedais em seu som (delay, octave, octaves polifônicos, sintetizadores e auto-wha). Ainda adolescente seus talentos foram descobertos pelos membros da Twin Cities Harmonica Society (http://mnharmonica.org), mas foi a música de Howard Levy que abriu os olhos de Chris para as novas possibilidades da gaita. Levy desenvolveu em 1968 a técnica que disponibiliza todas as notas sobre a harmônica, até então diatônica, permitindo a combinação do carismático timbre da harmônica blues com as possibilidades melódicas da harmônica cromática. Um instrumento que parecia limitado se tornou extremamente flexível. Chris rapidamente começou a tocar jazz e experimentar out…

Jeff Beck: a evolução da guitarra - Parte 2

Jeff Beck abriu novos horizontes para a guitarra e influenciou instrumentistas como Steve Vai e Joe Satriani.


Usando seus dedos no lugar de palhetas para obter maior agilidade, Beck acrescenta hábil manuseio dos knobs de volume, tons e pedais (incluindo o Whammy) para moldar as notas que ele está tocando.
"Eu não compreendo porque algumas pessoas só aceitam uma guitarra se tiver um som instantaneamente reconhecível de guitarra", diz Beck. "Encontrar formas de tocar a mesma guitarra que pessoas têm utilizado durante 50 anos para fazer um som que não se tenha ouvido antes, é realmente o que me interessa”. “Eu adoro quando as pessoas ouvem a minha música, mas não podem descobrir que instrumento estou tocando”. Por estas idéias Beck ganhou três vezes o Grammy de melhor “Rock Instrumental” e na revista Rolling Stone ele está em 14º entre os 100 maiores guitarristas de todos os tempos.
Embora muitos dos seus contemporâneos já estejam satisfeitos com seus trabalhos, Beck contin…